sábado, 12 de fevereiro de 2011

Teus olhos

Teus olhos abrem para mim todos os encantos...
Teus olhos abrem para mim, teus olhos abrem para mim
Todos os encantos bons...
Tudo que se quer vai lá
Eu vi na terra
Você chegando assim...
Assim, de um jeito tão sereno
(ai, ai, meu-deus-do-céu)
Eu vivo sem pensar... Se sou só
Acho que eu não vou mais
Agora tudo tanto faz, meu bem
Eu vi você passar levando meu encanto
Caminho sem saber de mim!
Eu vivo sem pensar... Se sou só
Ou sou mar.
Mas eu conto com você...
Pois, enquanto eu não me resolver
Eu vou lá, eu vou lá
Mas enquanto eu não me resolver...
Eu vou lá, eu vou lá...


Marcelo Camelo! Com Ivete, vale?

Nenhum comentário: