quinta-feira, 18 de novembro de 2010

"...formando breves confissões, mas intensos desejos..."

Pareço contigo... Normal e do avesso.
Vamos seguir o caminho seguro...
Pra continuarmos assim no futuro.
Pareço contigo... Sem mais, nem por quê.
Vamos seguir nossas pistas com toda a incerteza, pra continuarmos - felizes! - à mesa...
(...) Pareço contigo... De olhos fechados.
Vamos seguir no escuro...
Sonhando acordados, pra nunca deixar nossa luz se apagar.
A gente se parece tanto... A gente está só começando.
A gente vai se conhecendo e vê que ainda não sabe nada...
A gente só quer ser feliz, um mundo mais equilibrado
A gente esquece que o amor... É tudo, e não nos cobra nada.
Eu dou um valor absurdo na vida: Ela me traz bem mais que alegria... Traz alguém pro meu sozinho....
Você, às seis e trinta!


Jota Quest

Nenhum comentário: