terça-feira, 11 de maio de 2010

Um preço

Eu pago meus pecados
Por ter acreditado
Que só se vive uma vez (...)

É o que tem pra hoje.

(parte 2)

Nenhum comentário: